Terça-feira, 12 de Maio de 2009

Nem imaginava...

Quando a Analycia me mandou uma mensagem a dizer “vai ver…” fiquei logo literalmente de olhos em bico, he he he …

O Museu Fundação do Oriente fazia um ano. A agenda para esse fim-de-semana de festa era vasta e culturalmente rica, variando entre actividades como a Caligrafia Japonesa, Danças Indonésias, Ioga, Tai-Chi, Origami, Arte Chinesa de Recorte de Papel, Ritual do Chá Oolong bem como as várias Visitas Temáticas às Exposições permanentes do Museu.

Confesso que o Oriente sempre me fascinou, mas nunca tinha imaginado passar um fim-de-semana inteiro dentro de um Museu, he he he …. Acho mesmo que faz falta a muito boa gente “banhos de cultura” como este, é espantoso o que conseguimos aprender no detalhe de uma pequena imagem (olha, olha o meu “grilo” a falar caro), he he he ….

Mesmo apesar do cansaço e da dor que tínhamos nas pernas, nem imaginam como “soube a pouco”, a vontade em participar em todas as actividades era enorme mas era de todo impossível devido à sobreposição de horários (bolas que pena)….

Mas começando pelo princípio…..

Quando chegámos no Sábado de manhã já a Caligrafia Japonesa tinha iniciado, mas como era dia de festa o moço da bilheteira entregou-nos uma entrada a cada uma e disse para tentarmos entrar na sala. Claro que não dissemos que não, he he he e todas contentes e devidamente instaladas começámos a nossa aventura “rabiscante”, he he he …

  

Desengane-se quem pensa que os caracteres Japoneses são fáceis de fazer porque está redondamente enganado…. O movimento tem que ser leve e ao mesmo tempo preciso, contando sempre que cada linha tem o seu momento de pausa, nunca terminando abruptamente e sim num leve deslizar do pincel (ok, nem preciso imaginar as vossas caras, he he he )…..

Nós só nos riamos e cada vez que a “mestra” vinha à nossa mesa fazia cá uma cara, algumas vezes disfarçada com um leve sorriso “amarelo”, he he he … também pudera com o “atentado” que fazíamos à escrita, só fugindo mesmo he he he …

Depois de uma resma de papel quase gasta, acho mesmo que consegui inventar uma nova palavra, he he he….. afinal o significado desta imagem é Árvore, acho que a minha tentativa de a escrever deu em tudo menos em “Árvore”, he he he …

 

(a direita a minha tentativa de escrever Árvore, he he he )

 

O resultado já estão a imaginar, he he he ….. foi mesmo uma “mão cheia” de gargalhadas e boa disposição….

 

publicado por CC às 15:10
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De * * Grilinha * * a 12 de Maio de 2009 às 23:28
o Museu do oriente é lindo e fascina-me muito a arte oriental.

Um dia destes faço fotos de algumas peças orientais que tenho.

A minha filha cresceu com a filha mais nova de carlos Monjardino o presidente da Fundação oriente.

Quando a levava às festas ali na Graça a minha filha dizia que se perdia na casa tão grande que parecia um palácio e é mesmo um palácio.
De CC a 13 de Maio de 2009 às 12:26
Agora fiquei com uma vontade enorme de ver essas fotos ...
O Museu é mesmo uma porta aberta ao imaginário, eu adorei....
De * * Grilinha * * a 13 de Maio de 2009 às 13:15
Espreita este post com fotos do serviço de jantar japonês pintado à mão

http://grilinha.blogs.sapo.pt/2006/12/26/
De CC a 14 de Maio de 2009 às 14:55

comentar post



eu sou

pesquisar

 

posts recentes

Happy 2013!!!

Polar Post Crossing 2012 ...

Merry Christmas!!!

É hoje????

Polar Post Crossing 2012

Realmente... ai

Aiiiiii ...

Happy New Year !!!...

Já???

I wish a ...

arquivos

tags

todas as tags

blogs SAPO

subscrever feeds